Ao utilizar este site consideramos que aceita a utilização de cookies.

Jorge Ribeiro

Os livros de Jorge Ribeiro provam que a Guerra perpetrada pelo Colonialismo português em África aconteceu. Da Fortaleza de Ajudá, passando pelos muceques de Luanda e as picadas de Guidaje, até aos massacres em Tete, Jorge Ribeiro contraria o argumento de Salazar em vigor até 25 de Abril de 1974: «Não houve guerra nenhuma!» A sua obra mais recente, «Lá longe onde o sol castiga mais», editada pela CALENDÁRIO, já se dirige às novas gerações.

Como investigador, Jorge Ribeiro publicou centenas de artigos sobre a Guerra Colonial que ele viveu enquanto repórter. Paralelamente à sua longa carreira de jornalista na imprensa (O Primeiro de Janeiro, O Norte Desportivo, O Jornal, Se7e, TV Guia, e Jornal de Notícias onde foi chefe de redacção), na rádio e na televisão, Jorge Ribeiro está profundamente ligado à vida cultural do Porto – através da Associação de Jornalistas e Homens de Letras, da UNICEPE, do FITEI, do TEP, da Fundação Ciência e Desenvolvimento (Campo Alegre), e da UPP onde ainda hoje dá aulas de “Comunicação e Media”.

Contacte-nos

Obrigado

O seu formulário foi submetido com sucesso.